Como podemos definir Arquitetura de Informação para a área de tecnologia?

Já pensou que – muitas vezes – uma boa experiência com marca, produto ou serviço vem de uma boa organização/arquitetura de informações? Pois é, a Arquitetura da Informação na área de tecnologia se concentra em organizar e estruturar dados e informações de forma eficiente e acessível para usuários e sistemas. Ela define princípios, métodos e melhores práticas para criar sistemas de informação que atendam às necessidades dos usuários e dos negócios, otimizando a experiência e o desempenho.

No campo da tecnologia, uma boa arquitetura de informação vai além da organização de dados, abrangendo a estrutura geral do sistema, incluindo interfaces, navegação, rotulagem, metadados e taxonomias. Ela considera os objetivos do negócio, as necessidades dos usuários e as características da tecnologia para criar soluções completas e eficazes.

Boas práticas de AI representam vantagens como facilitar a navegação e o acesso à informação, tornando o sistema mais intuitivo e eficiente. Também vale mencionar que otimiza o tempo e o esforço dos usuários na busca por informações relevantes, além de otimizar o uso de recursos e diminuir o tempo gasto em tarefas repetitivas.

Se você acompanha nossos posts aqui, certamente já leu algo sobre User Experience e User Interface, pois é, esses assuntos estão todos conectados nesse contexto.

Diferenciando protótipo de MVP

Embora frequentemente confundidos, o protótipo e o MVP (Produto Mínimo Viável) assumem funções distintas no processo de desenvolvimento de produtos, especialmente no contexto de