Quantos bytes cabem dentro de um zettabyte?

Em um passado distante era possível medir a quantidade de dados do planeta com unidades como byte, megabyte, kilobyte ou até mesmo terabytes.

A grande questão atual é que cada ser humano de posse de algum device digital está produzindo dados praticamente o tempo todo. Esses dados estão em clouds, em smartphones, computadores, videogames e toda sorte de gadget digital com (ou sem) conexão com a internet.

Para dar conta dessa magnitude de dados, é preciso de medidas cada vez mais robustas para dimensionar o quão grande é esse campo.

Se você olhar para um diagrama que mostra a quantidade de dados no planeta, vai se deparar com a seguinte medida: zettabyte.

Um Zettabyte é uma unidade de informação ou memória que corresponde a 1.000.000.000.000.000.000.000 (ou 1021) bytes.

Só pra fazermos uma comparação rápida, observe a tabela a seguir:

É uma quantidade de zeros gigantesca, certo?

Mas, isso no mundo hoje corresponde a quantos zettabytes? O gráfico a seguir mostra isso: o mundo, em 2020, possuía 40 zettabytes de dados circulando.

Isso é muito? Isso é pouco? O autor David Wellman em “How big is your data – really?” utiliza uma metáfora com grãos de arroz para entendermos melhor essa quantia de dados:

Byte: um grão de arroz
Kilobyte: um copo de arroz
Megabyte: oito sacos de arroz
Gigabyte: três contêineres de arroz
Terabyte: dois navios contêineres
Petabyte: uma quantidade de arroz que cobre Manhattan
Exabyte: uma quantidade de arroz que cobre o Reino Unido 3x
Zettabyte: enche o Oceano Pacífico de arroz

Logo, metaforicamente temos 40 oceanos pacíficos de dados no mundo.

Boas referências para UX e UI

Uma das disciplinas introdutórias do curso de Ciência de Dados e Negócios da ESPM é a de UX/UI. Nela, os estudantes estudam os princípios