Primeiro conjunto residencial construído por impressoras 3D

Através das impressoras 3D é possível imprimir objetos tridimensionais, e já são realidade no mundo atual. Elas vêm sendo utilizadas em várias áreas e com inúmeras finalidades. Uma das aplicações das quais mais ouvimos falar é na área da saúde, contando com o desenvolvimento de próteses, como as pernas e os braços robóticos.

Uma inovação que parecia ser só um projeto futurista está começando a se tornar realidade. Já pensou em um bairro residencial inteiro construído 100% por impressoras 3D? Casas podendo ser construídas em 24 horas? Essa é a promessa da startup Mighty Buildings.

BAIRRO-3D-CALIFORNIA-1.jpg

Segundo a matéria na Revista Veja, “o condomínio de casas para a classe média ocupará uma área de dois hectares na cidade de Rancho Mirage, no sul da Califórnia. Cada um dos 15 imóveis terá 134 metros quadrados, distribuídos em três quartos, dois banheiros, deque e piscina”.

Isso tudo está planejado para ser desenvolvido com materiais especiais. As paredes e vigas são produzidas antecipadamente e vão para o local já prontas, garantindo, assim, que as casas possam ser construídas em 24 horas.

Justamente para incentivar e ensinar sobre uma tecnologia nova que pode ser tão transformadora, na matriz curricular do curso da Sistemas de Informação da ESPM, existe a disciplina de Modelagem 3D. Nela,  na qual os estudantes aprendem como desenvolver objetos em três dimensões, por meio do uso de aplicações como o Maya e o Blender, e ainda contam com uma impressora 3D MarkerBot, que pode ser vista na figura a seguir.

Para saber mais sobre a notícia, acesse o link VEJA.

Produzido por: Mariana Serrão

Somos todos ciborgues?

Por Vicente Martin _____________________________ Ao  observarmos  o quanto de tecnologia travamos contato em nosso cotidiano, podemos  levantar  o  seguinte  questionamento: estaríamos, nós humanos, nos